Bitfy
Criptomoedas

Fantom - FTM

Iniciamos o nosso TOP 5 semanal de criptomoedas com uma velha conhecida no topo de nosso pódio, a Fantom, uma plataforma de contratos inteligentes de gráfico acíclico dirigido, conhecido como DAG, uma forma de estruturar dados como uma ferramenta de consenso em criptomoedas. 

 

A plataforma realiza serviços DeFi para desenvolvedores, usando seu próprio algoritmo de consenso sob medida, juntamente com seu token nativo, o FTM, que obtém como objetivo solucionar os problemas associados a plataformas de smart contrats, tratando especificamente de velocidade nas transações.

 

A Fantom Foundation, que supervisiona a oferta de produtos Fantom, foi criada originalmente em 2018, com o lançamento do OPERA, a rede principal do Fantom, e nesta última semana valorizou o equivalente a 35%.

Huobi Token - HT

A segunda maior valorização de criptomoeda na semana foi a do Huobi Token, um ativo digital descentralizado compatível ao ERC-20, consequentemente, baseado na rede Ethereum.

 

HT é o token nativo da exchange global Huobi Global, que apresenta um projeto relativamente jovem, lançado pela primeira vez em janeiro de 2018.

 

O token, além de ser uma estratégia de marketing flexível para atrair novos usuários, o projeto possui características interessantes, como reduzir as comissões por operações de negociação na bolsa, que geralmente são pagas com as carteiras dos usuários e permitir compras de planos mensais para seus usuários receberem descontos em taxas de transação.


Nesta semana, a estreante em nosso TOP 5 semanal de criptomoedas, Huobi Token, valorizou 30%, conquistando nossa segunda colocação no ranking.

Dogecoin - DOGE

Logo atrás, na terceira posição, temos a moeda meme Dogecoin, que vem apresentando uma valorização interessante, pouco abaixo da segunda colocada Huobi Token.

 

O ativo DOGE é baseado no popular meme “doge” da Internet e apresenta o cachorro da raça Shiba Inu em seu logo, o ativo digital de código aberto foi desenvolvido por Billy Markus e Jackson Palmer, como uma bifurcação da Litecoin, em dezembro de 2013.

 

A cripto obteve uma valorização de 29% nestes últimos sete dias, e alcançou o terceiro lugar do nosso pódio.

ApeCoin - APE

A penúltima colocada desta semana, aparece é o ApeCoin, um token ERC -20 de governança do APE Ecosystem, lançado na Blockchain da Ethereum, que consequentemente possui o mecanismo de consenso de prova de trabalho (POW) e promete a cada dia mais incentivar sua comunidade de vanguarda na web3.0.

 

O projeto é inspirado no Bored Ape Yacht Club da Yuga Labs, e fornece uma infraestrutura para que os detentores de ApeCoin colaborem por meio de processos de governança abertos e sem permissão, permitindo que os participantes obtenham uma moeda compartilhada e aberta que pode ser usada sem intermediários centralizados. 

 

Hoje o token ApeCoin chegou a uma valorização que registra 21,65% nestes últimos sete dias, ficando à frente apenas de nossa última colocada.

Chainlink - LINK

Por fim, mas não menos importante, surge a Chainlink, uma criptomoeda listada na carteira digital Bitfy, fundada em 2017 por Sergey Nazarov, atualmente cofundador e CEO da Chainlink Labs.

 

O criptoativo consiste em uma camada de abstração da blockchain que permite contratos inteligentes universalmente conectados, por meio da rede descentralizada Oracle.

 

 A plataforma permite que os blockchains interajam com segurança com feeds de dados externos, eventos e métodos de pagamento, fornecendo as informações off-chain críticas necessárias para que contratos inteligentes complexos se tornem a forma dominante de acordo digital.

 

Sua cotação hoje está batendo a faixa de valorização de 15% nesta última semana, dando fim ao nosso TOP 5 semanal de criptomoedas.

Compartilhe este artigo em suas redes sociais

Mostre o que está lendo para seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn

Leia também...

Inscreva-se em nossa Newsletter

Fique por dentro do mundo cripto